Menu Lateral
 
São Tiago, 22 de Maio de 2017 :: 106 visitantes online.

Prefeitura e IEF distribuem 4,5 mil mudas nativas

Publicado em 10/02/2017 00:00:00


São Tiago não é só mais uma “Vertente nas Gerais”, mas uma Vertente Verde que se destaca na paisagem retorcida e amarelecida dos sertões mineiros narrados por Guimarães Rosa

A Prefeitura Municipal e o Instituto Estadual de Florestas (IEF) fizeram mais uma distribuição de mudas nativas para moradores de São Tiago, nessa quinta-feira (09). Dessa vez, foram distribuídas mil plantas. Ao todo, os cidadãos já receberam 4,5 mil espécies típicas da região.

Segundo o analista ambiental da regional Centro-Sul do IEF, o engenheiro florestal Richard Rebouças, o objetivo das doações é incentivar a recuperação e proteção de florestas, nascentes e cursos d’água.

“A quantidade de mudas que doamos é uma gota dentro do oceano, mas já é um começo para reforçar a missão nobre de defender a natureza e conscientizar produtores rurais sobre a relevância de equilibrar atividades agrícolas com sustentabilidade”, enfatiza Rebouças.

O engenheiro explica que essa simbiose entre economia e biodiversidade é o caminho que deve ser tomado pelo homem do campo. Isso porque a extração de recursos sem nenhum tipo de recomposição ambiental pode condenar as propriedades rurais.

“Esse é um projeto agrosilvipastoril. Em uma fazenda, podemos observar que o gado prefere a braquiária que está sob uma árvore. Isso acontece porque as folhas que caem dessa árvore se transformam em adubo orgânico para a braquiária, que fica mais tenra e nutritiva para o rebanho, que também ganha uma sobrinha nos dias mais quentes”, completa Rebouças.

Segundo o engenheiro, essa é a melhor alternativa para o homem do campo. “Não adianta desmatar o que sobrou para tentar produzir mais. Uma propriedade tem que ser equilibrada, pois assim as atividades vão ser mantidas com garantia de sucesso”.

Ação

As mudas trazidas do viveiro do IEF de São João del-Rei foram escolhidas a dedo. Segundo Rebouças, as espécies estão ligadas ao bioma original da região.

“Estamos inseridos na Mata Atlântica, mas que se mistura à Vegetação de Campo Natural, ao Cerrado e à Mata Estacional Semidecidual. Então, a seleção de mudas foi feita a partir dessa tipologia para que as plantas encontrem o ambiente adequado para se desenvolverem”, afirma o engenheiro.

Além de participar da recomposição da floresta nativa, Rebouças salienta que a ação pode impactar em regiões muito distantes de São Tiago, numa espécie de cadeia colaborativa exercida pela própria natureza.

“O Rio das Mortes corta São Tiago e deságua na bacia do Rio Grande, um dos responsáveis por abastecer as represas de Camargos, Furnas e até Itaipu. Essas empresas são grandes geradoras de energia e riquezas para o Brasil. Pode até não parecer, mas a ação aqui contribui amplamente com regiões distantes”.

Não por acaso a auxiliar ambiental da Agência Avançada do IEF local, Aparecida Santiago, reitera que a parceria entre Prefeitura, Instituto e o Viveiro de Mudas de São João del-Rei é uma ação que deve continuar em todo o município.

“As pessoas estão interessadas, não só na planta, mas em aprender como preservar o meio ambiente de forma geral. Prova disso é que a campanha está sendo um sucesso. Cabe a nós, oferecer a orientação adequada para que as pessoas possam usufruir desse trabalho de multiplicação dos recursos ambientais do planeta”, acentua Aparecida.

http://saotiago.mg.gov.br


Mais Notícias

(c) 2017 - Prefeitura Municipal de São Tiago
Endereço: Praça Ministro Gabriel Passo, nº 681 Cep: 36.350-000 - Cidade: São Tiago / MG
Tel.: (32) 3376-1022 - Email: prefeitura@saotiago.mg.gov.br

Versão: 2017.04.10
Alternar para Versão Mobile
Desenvolvido por: